Minha lista das 20 melhores praias de norte a sul do Brasil

Pôr do sol em Cumuxuxatiba em foto de Hudson Pontes
Pôr do sol em Cumuruxatiba em foto de Hudson Pontes


20 praias mais bonitas de norte a sul do Brasil. Eu amo viajar, mas sim, eu amo praia. Carioca que não ama praia, já desconfio... Não fujo a essa regra, essa "mania" de ir à praia todo fim de semana e depois pensar no que mais fazer no fim de semana.

Durante muitos anos, como morava no subúrbio - o que significava longos engarrafamentos para ir à praia -, tive casas alugadas em cidades do litoral do Rio de Janeiro, Já tive casa alugada na Praia das Dunas, em Cabo Frio, em Arraial do Cabo e depois, por muitos anos, em Saquarema. Sim, já fui garota de Saquarema e desfilava no Saquarema de Banda, bloco de Carnaval da cidade.

A rotina era mais ou menos assim: trabalhar de segunda a sexta e "subir" para a praia sexta à noite ou sábado pela manhã. Na época da faculdade, tinha aula sábado e muitas vezes só viajava depois da aula, mas sim, era sagrado ir para Saquarema. Já até pensei em morar lá (mas depois que comecei a viajar já pensei em morar em vários lugares pelo mundo). Às vezes, voltava no domingo à noite. Muitas vezes, na segunda direto para o trabalho. Com o passar dos anos, os engarrafamentos foram ficando insuportáveis de tão constantes e eu fui desistindo dessa rotina, aliado ao fato de que comecei a viajar para outros lugares e a curiosidade de conhecer o mundo aumentou. Anos depois, surgiria o blog, sacramentando esse meu desejo por viajar e agora cada vez mais conhecer mais e mais lugares no Planeta.

Aos longo dos anos conheci muitos destinos, muitos deles nunca nem contados aqui, quem sabe um dia eu corrijo essa falha e escrevo sobre todos. Amo a Europa, cultura, museus, os templos da Ásia, as chapadas no Brasil, já subi o Pico da Bandeira no Alto do Caparaó, tem até aqui um post que fiz sobre cidades do interior, mas eu AMO uma praia.

Confesso que tenho uma queda pelas praias do nordeste, onde a água é quente, e eu ODEIO água fria, No Rio, por exemplo, a água é muito gelada e várias vezes vou à praia e nem entro na água.

Aqui vai uma pequena lista, porque nem coloquei todas, de praias que já tive o privilégio de conhecer e que são as minhas favoritas.

Minha Praia Preferida no Sul do Brasil


Praia de Morro das Pedras, Florianópolis

Praia de Morro das Pedras em Florianópolis, Brasil
Praia de Morro das Pedras em Florianópolis, Brasil


Só estive em Florianópolis uma única vez, mas fiquei encantada e ainda vou voltar com certeza. São várias praias e cada uma tem seu charme e, claro, públicos diferentes. O famoso "cada um na sua tribo".

Tem de point dos ricos e famosos, como a Praia de Jurerê, a praia para crianças, como a Praia da Lagoinha. Praias para surfar como a Praia Brava, e praia selvagem, como a Praia Mole.

A Praia de Morro das Pedras talvez nem seja a mais bonita e com certeza não é a mais famosa e procurada, mas foi uma que me impactou bastante, talvez porque a primeira visão que tive dela tenha sido da Casa de Retiro Vila Fátima, de onde se tem um lindo mirante com uma visão deslumbrante.

A Praia de Morro das Pedras fica entre a Praia do Campeche e a Praia da Armação. Boas ondas para o surfe. Uma longa faixa de areia, que é algo que amo, porque eu amo caminhar na praia. Uma praia bem pacata, não fica muito cheia, talvez porque não seja uma praia muito tranquila para o banho, especialmente para as crianças. O costão de pedras é realmente de uma beleza muito especial e ficou como um lugar especial na minha lista de praias favoritas.

Minhas Praias Preferidas na Região Sudeste


Ilha Grande, Praia de Lopes Mendes

Já fui algumas vezes visitar a Ilha Grande, já fique na Vila de Abraão, já fiquei em Palmas, já fiz passeio de veleiro indo e voltando no mesmo dia. Tenho um desejo de dar a volta na ilha, quem sabe ainda não consigo realizar esse sonho. 

Nesse post vou focar na Praia de Lopes Mendes, até agora minha preferida. Eu fui na trilha de Palmas até Lopes Mendes que dura, em média três horas, com paradas. Pode parecer muito tempo, mas, acredite, quando você chega, a beleza compensa todo o sacrifício. Se você não tiver disposição ou condição de fazer a trilha, não se preocupe. Existem outras maneiras de chegar, como de barco saindo da Vila do Abraão.

Essa é para mim uma das praias mais bonitas do Brasil e até do mundo. Extensa areia branca e fininha, mar com ondas que quebram mais pra dentro e sobram aquelas marolas para você se esbaldar. Se você ama praia e ainda não conhece esse paraíso, eu recomendo urgentemente que você mude isso. O único porém é que chove muito na região. Então, não arrisque o passeio se o tempo não estiver bom. Eu já passei um feriado por lá, com chuva, depois de dois dias tive que desistir. Fui para Saquarema (ainda tinha minha casa alugada lá na época rsrs).

Grumari, Rio de Janeiro

Situada em uma área de proteção ambiental, bem na cidade do Rio de Janeiro, preservada e com uma vista de tirar o fôlego no caminho, esse lugar, é muito especial.

Bem distante de Copacabana, não é uma praia muito frequentada por turistas, acaba sendo um point do carioca que quer se esconder e fugir das praias lotadas, mas que no verão, acabam lotadas também. Só tem como chegar de carro e tem limite de visitantes, portanto, dependendo do horário, você não consegue entrar ou só vai conseguir entrar depois que as pessoas começarem a sair,

No caminho para Grumari você passa pela Prainha, também belíssima. E também a Praia do Abricó, uma praia de nudismo.


Saquarema, Rio de Janeiro

Durante quase 15 anos da minha vida, durante a minha juventude, tive uma casa alugada em Saquarema, point do surfe, blocos de Carnaval, peixe frito e frescobol. Foram bons tempos, onde me diverti muito e, depois, como contei acima, desisti de ter uma casa de praia porque estava mais ambiciosa e queria desbravar outras praias pelo mundo. Mas não poderia deixá-la de fora da minha lista de praias preferidas.

Saquarema também tinha uma igrejinha no alto da pedra de onde se tinha uma visão predileta de toda a praia de Saquarema, de um lado, e Itaúna, do outro. Acho que gosto dessa ideia de ter essa visão macro da região, adoro um mirante, e adoro em qualquer lugar do mundo. Em Nova Iorque, Berlim ou Paris, sempre procuro uma visão privilegiada para entender a cidade, e é assim também nos lugares de praia, bom olhar lá de cima e ver a cidade escorada por essa imensa faixa de areia,

Uma cidade conhecida internacionalmente pelos campeonatos de surfe, mas que naquela época funcionava em volta da praça que ficava na vila e até hoje talvez ainda funcione assim. Confesso que faz muitos anos que não volto a Saquarema e é uma viagem que gostaria de fazer para matar saudade.

A água do mar no Estado do Rio de Janeiro, não só nas praias da cidade, é gelada. Saquarema não é diferente. Essa é uma praia de altas onda, não à toa sedia campeonatos, mas eu amava mesmo assim, caminhadas, mergulhos com cuidado para não tomar um "caixote", um bronzeado de verão e muita paquera, tempo bom.


Praia das Dunas, Cabo Frio, Rio de Janeiro

Diferente de muita gente eu não sou apaixonada por Arraial (do Cabo), apesar de admitir que têm praias lindas, mas parece que lá a água ainda é mais gelada do que nas suas vizinhas, além da cidade ter crescido de uma maneira muito irregular o que eu acho que afetou muito a paisagem. Praia Grande, Prainha ou Pontal do Atalaia são lugares lindos, já até aluguei casa uma vez lá, mas não me apaixonei.

Mas entre Cabo Frio e Arraial do Cabo fica a Praia das Dunas, onde tive casa por um tempo e também tenho um carinho especial. A água é gelada sim, mas o mar azul esverdeado dessa região é de tirar o fôlego. Dessa região, essa é a minha preferida.

Não poderia deixar de citar em Cabo Frio, a Praia do Forte, a mais famosa e é realmente muito bonita, mas também sempre muito cheia,

Eu tenho uma dica muito especial: A melhor época para conhecer e frequentar essas praias é fora do verão, em qualquer das estações, até mesmo no inverno, que tem dias lindos, céu azul, e vamos combinar que no Rio de Janeiro não temos um inverno rigoroso.


Geribá, Búzios, Rio de Janeiro

Eu amo Búzios, e como sou do time das caminhadas, adoro passear pelas pequenas praias de Búzios. Mas a minha predileta é a badalada Geribá, justamente por ter uma faixa de areia mais extensa.

Adoro passear pela Rua das Pedras, adoro ter uma variedade de restaurantes para escolher. Decididamente, Búzios é a mais charmosa da região dos Lagos e com infinitas possibilidades na gastronomia.


Itaúnas, Espírito Santo

Bom, eu sou carioca, mas também sou forrozeira, uma paixão que descobri há mais de 20 anos e, Itaúnas, fora do nordeste, é a capital do forró. Itaúnas é um distrito do Município de Conceição da Barra, quase divisa com a Bahia e recebe no meio do ano o FENIT - Festival Nacional de Forró de Itaúnas. 

Uma vila pacata, mas que durante o festival recebe milhares de pessoas. Se você prefere lugares mais intimistas, não vá nessa época. No Ano Novo também costuma lotar e também com muitos shows de forrós nas principais casas de Itaúnas. 

Um dos cartões postais são as dunas do Parque Estadual de Itaúnas. Uma outra sugestão é conhecer a Praia de Riacho Doce já na divisa com a Bahia.

Quer mais dicas de praias do sudeste, segue a Marina Heimer do Imagina na Viagem e olha o que ela tem para falar da Praia de Itacoatiara em Niterói, no Rio de Janeiro.

E você já conhece a região sul do Rio de Janeiro? A Lilian Azevedo do Uma senhora Viagem conta aqui sobre Lindas Praias em Paraty.

Minhas Praias Preferidas no Nordeste


Cumuruxatiba, Bahia

Cumuruxatiba, Prado, Bahia
Cumuruxatiba, Prado, Bahia


Quem me conhece sabe o quanto eu amo Cumuruxatiba, um lugar que entrou na minha vida há 25 anos. Recentemente, durante a pandemia, morei por mais de um ano nessa vila no extremo sul da Bahia. 

No post Que tal conhecer Cumuruxatiba? eu conto tudo sobre esse paraíso. Cumuru, como é chamada pelos mais íntimos, é um lugar pacato e, se você procura agito, esse não é o lugar ideal. Esse é um lugar para quem procura sossego, longas caminhadas e praias praticamente desertas na maior parte do ano.
 

Corumbau, Bahia

Vizinha de Cumuruxatiba, na divisa de Prado com Porto Seguro, está o Corumbau. Uma vila ainda menor do que sua vizinha, começando a crescer mais recentemente. Ultimamente, surgiram mais pousadas e o Corumbau está entrando para o gosto das pessoas, especialmente para os que ficam em Caraíva, um pouco mais acima e descem para visitar o Corumbau.

A Ponta do Corumbau é o cartão postal desse lugar que com suas águas quentinhas, longas faixas de areia, muito peixe assado e tranquilidade, encanta os seus visitantes.


Caraíva, Bahia

Como uma frequentadora assídua do extremo sul da Bahia, como não amar Caraíva? 

Uma vila pé na areia, literalmente, mas com pousadas maravilhosas, gastronomia privilegiada no pré-night, para depois curtir aquele forrozinho na night.

Agora, se você quiser curtir Caraíva, mas não curte nigh, é perfeito também. Você pode fazer belos passeios até Curuípe ou Praia do Espelho, o que não faltam são belas praias para conhecer nessa parte privilegiada do litoral do Brasil.

Durante décadas Caraíva não tinha luz elétrica, que só funcionava à base de geradores. Somente em 2008 a luz chegou à vila. E mesmo assim, sob a condição da comunidade, que exigiu que fosse sem postes e sem fiação, para não perder o charme e nem apagar as estrelas.


Trancoso, Bahia

Assim como Caraíva, Trancoso também faz parte de Porto Seguro. Quem nunca ouviu falar do "Quadrado de Trancoso"? O quadrado é um quadrado formado por casinhas que abrigam uma gastronomia internacional, belíssimos espaços muito bem decorados e charmosos, uma bela Igreja - sim, elas não podem faltar nesses pequenos vilarejos - e um mirante de tirar o fôlego.

São diversas praias, cada uma mais linda que a outra, e com certeza você vai sair sem saber qual a sua preferida. Desfrute apenas dessa Natureza exuberante com mar de águas quentinhas e no fim do dia um agito no "Quadrado".


Praia do Carro Quebrado, Alagoas

Alagoas é realmente um lugar indecente no quesito praia, e são tantas e tão bonitas, que é difícil eleger uma só. Mas eu realmente me encantei por essa praia, e por isso ela entrou na minha lista especial. 

Praia do Carro Quebrado fica no munícipio de Santo Antônio e ainda é pouco conhecida, o que eu adoro. Uma praia sem aglomeração, e mesmo sem pandemia, tem todo o valor.

A chegada é por um canavial e com direito a uma parada no mirante para admirar a bela paisagem e observar a vizinha, não menos bela, Praia do Morro de Camaragibe.

Verifique a tábua das marés antes de ir e aproveite a maré baixa para aproveitar as piscinas naturais. 


Praia dos Carneiros, Pernambuco

Praia dos Carneiros emTamandaré, Pernambuco, Brasil
Praia dos Carneiros emTamandaré, Pernambuco, Brasil


Localizada em Tamandaré, a Praia dos Carneiros, apesar de hoje já estar muito mais visitada, tem seu charme, especialmente se você procurar visitar nos períodos mais tranquilos, longe dos feriados e férias.

Essa é uma praia particular e você paga para entrar e é bom conferir o valor na hora da sua viagem, assim como a Capela de São Benedito, cartão postal da Praia dos Carneiros, também pertence a mesma família há muitos anos.


Praia da Conceição, Fernando de Noronha, Pernambuco

Fernando de Noronha, o paraíso no Brasil
Fernando de Noronha, o paraíso no Brasil


Eu amo Noronha, AMO, assim mesmo de caixa alta, um dos lugares mais lindo do mundo para uma amante de praia, água quente e transparente, como eu. Assim que saí do avião e pisei em Noronha pela primeira vez, pedi o primeiro homem que eu vi, ainda no aeroporto, em casamento, para poder morar lá e não sair de lá nunca mais. Da segunda vez, pedi emprego, por fax, para o Zé Maria (da famosa Pousada Zé Maria) e ele disse para eu voltar lá para conversarmos. Não sei o que vou aprontar da próxima vez, que pretendo que seja em breve.

Noronha tem muitas praias maravilhosas e algumas delas eleitas muitas vezes como a mais bonita do mundo, como a Praia do Sancho. Mas eu tenho mesmo é um carinho especial pela Praia da Conceição, aquela do Pico, cartão postal. Por ser uma praia com altas ondas durante o verão, vira point do surfe.

Essa é uma praia que me traz muitas boas recordações, de ficar literalmente em Noronha curtindo praia, depois de fazer todos os passeios da ilha. Essa é uma dica muito legal. Geralmente, quando você chega num lugar novo, coloca todos os passeios possíveis em pouco espaço de tempo e acaba sem nenhum espaço para simplesmente não fazer nada. Eu amo não fazer nada, especialmente, não fazer nada na Praia da Conceição em Fernando de Noronha.

Da primeira vez, fiz tudo que era possível. Da segunda, fiz tudo de novo porque estava indo com amigos que visitavam pela primeira vez. Mas na hora de ir embora, decidi trocar a passagem e passar mais uns dias em Noronha simplesmente "noronhando-me".


Praia de Tambaba, Paraíba

Admito, conheço bem pouco da Paraíba e espero conhecer bem mais em breve para poder ter mais opções na minha lista, mas enquanto isso, seleciono Tambaba como minha queridinha da Paraíba.

Tambaba fica no município de Conde, no litoral sul da Paraíba e é conhecida por ser uma praia de nudismo. Mas ela também tem o lado dos que não se sentem à vontade pelados numa praia, que foi o meu caso, até porque, no dia que eu fui visitar essa praia eu estava com o pé quebrado, com um bota ortopédica e seria a única pelada de bota na praia, achei melhor não.


Praia de Pipa, Rio Grande do Norte

Nesse Brasil de tantas praias lindas, realmente acaba sendo redundante falar como nosso litoral é maravilhoso, mas quando estive em Natal e visitei várias praias em diferentes cidades, fiquei encantada com o litoral de norte a sul e a cor da água do Rio Grande do Norte.

Praias lindas, água quente, uma cor de mar azul esverdeado de beleza estonteante e dentre tantas praias, Pipa, a mais famosa, não decepciona.

Pipa fica no município de Tibau do Sul, a 85 km de Natal, capital do Rio Grande do Norte. Um charmoso vilarejo com lindas praias, falésias, mirantes, observação dos golfinhos.

Tenho uma história bem curiosa sobre a minha visita a Pipa. Estava em Natal de férias e um casal de amigos, também de férias, foi me encontrar por lá. Decidimos alugar um carro para conhecer Pipa. Saímos de Natal para passar o dia com a roupa do corpo, chapéu e protetor solar. Quando chegamos em Pipa nos encantamos, depois de um passeio de barco onde vimos os golfinhos, e resolvemos ficar mais um dia. Procuramos uma pousada e compramos alguns itens para o pernoite. No dia seguinte fomos até quase a Paraíba, numa praia chamada Sibaúma e decidimos ficar mais um dia. Assim descobri que nem precisava da mala que tinha levado. Foi também nesse passeio a Pipa que decidimos fazer um pacote para Fernando de Noronha, que na época, recebiam voos saindo de Natal.


Canoa Quebrada, Ceará

Canoa Quebrada, Ceará, Brasil
Canoa Quebrada, Ceará, Brasil


Eu já estive 3 vezes em Fortaleza e em todas elas fui a Canoa Quebrada, duas delas bate e volte e numa delas me hospedei lá. Eu acho Canoa uma das praias mais lindas do Ceará, especialmente para quem decide ficar por lá por uns dias e fazer os belos passeios pela orla repleta de falésias com aqueles tons avermelhados.

Eu adoro vilas charmosas com aquela mistura de lojinhas, restaurantes e boa música, sabendo que "boa" é uma questão muito relativa, o que é bom para mim pode não ser para o outro, mas em Canoa, encontrei o meu amado reggae e deu match.


Jericoacara, Ceará

Jericoacoara, Ceará, Brasil


Das três vezes que estive no Ceará, fui até Jericoacara para passar uns dias e é o que recomendo. Atualmente tem um passeio de um dia saindo de Fortaleza e que faz muito sucesso, eu, particularmente, não vejo o menor sentindo. Esse momento Instagram, onde basta chegar no lugar e tirar uma foto no principal cartão postal, postar e contar como checked, completamente fora de controle e de um turismo que não pretendo incentivar.

Cada vez mais o Planeta dá os sinais de desgaste e de que precisa ser mais respeitado. O Turismo como um todo - tanto os profissionais de turismo e também os turistas - precisa dessa releitura com mais respeito e conservação. Precisamos praticar um Turismo Responsável. Pior é que todo mundo está fazendo turismo hoje para o Instagram que não paga nem destino e nem turista pelo material produzido gratuitamente para a plataforma. Estive agora em outubro em Jericoacara pela terceira vez e fiquei muito chocada com a transformação que está acontecendo por lá, e por isso trouxe essa reflexão importante. Mas, enfim, vamos deixar essa discussão para outro post.

E vamos falar do que é bom, o Ceará é maravilhoso. São quase 600 km de extensão, e dentre tantas praias, a magnifica Jericoacoara, uma de minhas grandes paixões, aquela que está na minha seleta lista de lugares que eu já quis largar tudo e ir morar.

Também uma charmosa vila, que realmente cresceu muito nos últimos tempos, mas ainda continua única. Agora tem até aeroporto, o que já contribuiu para esse crescimento. Jeri tem praias, tem lagoas, tem dunas e bares, restaurantes, pousadas incríveis. A rotina dessas vilas não são muito diferentes, uma praia ou um passeio durante o dia e um passeio pela vila toda de areia à noite, para um jantar, uma música e um romance porque ninguém é de ferro.

Desde 2017 têm mais uma novidade, assim como Noronha, tem uma taxa de turismo. Atualmente esse valor é de R$30,00 por 7 dias de permanência. Você pode pagar pela Internet e eu acabei até esquecendo porque das outras vezes ainda não tinha essa cobrança, ou direto na vila na chegada. Você precisa mostrar o comprovante para entrar na vila, logo depois do guichê, e precisa também mostrar na pousada. E independentemente se é bate e volta ou uma semana, o valor é o mesmo. Após sete dias serão R$3,00 por dia. Mais informações aqui.


Quer mais dicas sobre as praias de Fortaleza e arredores, olha o blog da Regina Oki, do Turista Full Time.


Minhas Praias Preferidas no Norte do Brasil


Salinópolis, Pará

Salinópolis, Pará, Brasil
Salinópolis, Pará, Brasil


Recentemente, conheci o Pará. Comecei por Alter do Chão, em Santarém, Belém. A praia de Salinópolis era um lugar que tinha bastante curiosidade, especialmente pelas imagens que sempre chegam de lá com os carros dividindo a praia com os banhistas. Vi de perto, é verdade, os carros lá são praticamente os nossos guarda-sóis.

Outra coisa bem surpreendente é a variação das marés, e olha que conheço bastante dessa variação da minha experiência em Cumuruxatiba, que em Pataxó significa grande diferença entre a maré baixa e a maré alta. Salinópolis também tem uma variação bem significativa e me surpreendeu, o que parece ser realmente uma mudança que já faz parte do aquecimento global. Vi casas que foram construídas de frente para o mar, onde provavelmente antigamente o mar não subia tanto e hoje, quando a maré sobe, você não consegue entrar ou sair da sua própria casa. Bem curioso!


Praia do Amor, Alter do Chão, Pará


Pôr do sol em Alter do Chão, Pará, Brasil
Pôr do sol em Alter do Chão, Pará, Brasil


A única praia de rio da minha lista, mas sem dúvida uma dos lugares mais bonitos que já tive o privilégio de conhecer. O Jornal Britânico, The Guardian, já elegeu a praia de Alter do Chão como a mais bonita do Brasil, e a Praia do Amor, cartão postal da vila, personifica essa beleza. Em Alter, o comandante é o Rio Tapajós e seus encontros com o Rio Amazonas e o Rio Araíuns, encontros inesquecíveis.

Alter também é uma vila, acho que vocês já perceberam que sou chegada nesse estilo. Um passeio ou uma praia (de rio) durante o dia e uma vila charmosa à noite para um jantar, uma música e até uma dança, porque em Alter do Chão eu fui dançar um carimbó, é claro.

Em Alter, são duas estações bem definidas, inverno com muitas chuvas e verão onde o rio seca e as praias surgem belíssimas, com enormes extensões de areia branquinha, uma paisagem completamente diferente de tudo que já tinha visto antes. A Praia do Amor se destaca porque ela surge bem em frente à vila. Na época onde os rios já baixaram bastante é possível atravessar a pé. E de onde você pode assistir a um espetáculo que entrou para a minha seleta lista de lugares inesquecíveis para assistir ao pôr-do-sol.

Praia do Amor, Alter do Chão, Pará, Brasil
Praia do Amor, Alter do Chão, Pará, Brasil

E
se quiser dicas de praias fora do Brasil, a Adelaide Pereira, do Turista Imperfeito tem dicas preciosas sobre uma famosa cidadezinha de praia siciliana.









8 comentários

  1. Lista sensacional e certeira para a turma do pé na areia. Algumas eu já conheço (Pipa, Trancoso, Ilha Grande são queridinhas. E Grumari, como é quintal de casa, também tem meu amor!). Mas descobri muita coisa nova por aqui e aproveitei para "roubar" várias ideias pra minha lista de desejos. Adorei!

    ResponderExcluir
  2. Eu sou suspeita porque sou apaixonada por praia e sol. E eu ainda deixei algumas de fora, vou ter que preparar a parte 2....hehe
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Lendo o seu post tive a certeza absoluta de que ainda tenho muito areia para pisar... rsrs! Não sei se um dia terei condições de conhecer todas as belezas desta lista, mas nunca se sabe! E, sim, consigo imaginar perfeitamente você chamando de lar cada uma delas! Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E olha que ainda cabiam mais praias......ahahahaha
      beijos

      Excluir
  4. Uau, uma lista de respeito ! Nao conheco algumas de suas indicacoes, ja devidamente anotadas, tais como Noronha, Saquarema e Alter do Chao. Sou tb apaixonada por uma boa caminhada pela areia da praia. Fui lendo seu post e rememorando algumas das minhas viagens fantasticas por praias brasileiras. Uma viagem !!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu definitivamente sou uma pessoa solar, amo uma praia e um pé na areia. Esse verão parecer que vai ser bem chuvoso e já está batendo uma tristezinha. beijocas

      Excluir
  5. Olívia, que surra de lugares lindos. Eu sou como você, amo uma praia. Praia brasileira, então, é o meu fraco. Pena que moro fora, mas aos pouquinhos eu chego lá.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amo uma praia brasileira de água quente ahahahahaha
      No Rio mesmo, onde moro, tenho pavor da água gelada...
      beijos

      Excluir